Erros de e-mail marketing: Os 4 deslizes mais comuns e como evitá-los

Apesar de ser uma das estratégias de marketing digital mais populares do mundo, ainda é muito comum nos depararmos com empresas cometendo erros de e-mail marketing que prejudicam a conquista de resultados.

Muitos desses erros poderiam ser evitados seguindo apenas algumas boas práticas do mercado. No artigo de hoje, mostraremos os 4 erros de e-mail marketing mais comuns e como evitá-los na sua empresa. Acompanhe!

1. Enviar mensagens sem autorização dos destinatários

Um dos erros mais comuns em uma campanha de e-mail marketing é enviar e-mails sem a autorização dos destinatários. Porém, muitas empresas investem nessa prática, chegando até a comprar listas de e-mail com milhares de contatos.

O problema é que muitos desses contatos são inválidos, o que influencia diretamente no sucesso de sua campanha. Além de ser uma prática considerada como SPAM, enviar mensagens para usuários que não autorizaram o recebimento aumenta as chances de que seu e-mail vá diretamente para a lixeira antes mesmo do usuário acessá-lo.

Isso acaba atrapalhando a estratégia de branding do seu negócio, transmitindo a impressão de que sua empresa é invasiva e não respeita a privacidade de seus clientes. Assim, a taxa de conversão e de abertura de seus e-mails serão menores, prejudicando diretamente os seus resultados.

2. Usar títulos desinteressantes

O título de um e-mail é um dos elementos que mais influencia na sua taxa de abertura. Na maioria dos servidores de e-mail, essa é a única informação que seu cliente terá acesso antes de abrir a sua mensagem. Por isso, o título de suas campanhas de e-mail marketing devem ser interessantes, destacando-se entre as centenas de mensagens que seus clientes recebem semanalmente.

O problema é que muitos profissionais de marketing acabam se dedicando a criar mensagens bonitas e atraentes, não dando muita atenção aos títulos de e-mail. Esse é um dos piores erros de e-mail marketing que uma empresa pode cometer, pois aumenta as chances do seu cliente deletar o seu conteúdo sem ao menos abri-lo.

O ideal é que você separe um tempo na criação de suas campanhas apenas para pensar nos títulos dos e-mails, mostrando de forma rápida e objetiva os benefícios que o seu cliente receberá ao abrir sua mensagem.

3. Criar e-mails usando apenas imagens

Há alguns anos, o layout de um e-mail era o elemento de maior importância em uma campanha. Por isso, era comum a criação de e-mail usando apenas imagens, como uma espécie de “panfleto virtual”.

Atualmente, essa prática deve ser evitada na hora de criar uma campanha de e-mail marketing. Isso porque grande parte dos servidores de e-mail bloqueiam automaticamente todas as mensagens sem conteúdo em forma de texto.

Para piorar, alguns servidores marcam e-mails que usam apenas imagens automaticamente como SPAM, impedindo que seus clientes recebam a sua mensagem.

Portanto, é indispensável que seus e-mails tenham parte de seu conteúdo em forma de texto, além do uso de imagens. Dessa forma, você evita que seus e-mails sejam marcados como SPAM e garante o sucesso de suas campanhas.

4. Usar vários CTAs em um mesmo e-mail

O CTA (call to action) é um elemento muito importante em uma campanha de e-mail marketing, pois é ele que fará com que seu cliente tome uma ação específica quando receber seu e-mail.

Mas um dos erros de e-mail marketing que mais prejudicam a eficiência de uma campanha é o uso de vários CTAs em uma mesma mensagem. Isso é bastante prejudicial, pois o seu cliente terá dúvidas sobre o que fazer ao receber seu e-mail, perdendo tempo para avaliar todas as opções disponíveis.

Em uma campanha de e-mail marketing ideal, cada mensagem enviada tem um objetivo específico e, por isso, deve possuir apenas um CTA em destaque. Esse cuidado pode melhorar os resultados de sua campanha, garantindo maior retorno sobre o investimento em e-mail marketing.

E você, gostou deste artigo? Quer ficar por dentro de mais conteúdos como esse? Assine a nossa newsletter e receba dicas exclusivas para otimizar suas campanhas de marketing digital!

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *